Caco da Rosa - Acadêmicos de Medicina Veterinária podem realizar intercâmbio na Espanha
Apareceu aqui, virou notícia!
(49) 9111 4055
Previsão do Tempo
18-08-2018 | 11:15
EDUCAÇÃO05/02/2018 às 15:30

Acadêmicos de Medicina Veterinária podem realizar intercâmbio na Espanha

Acadêmicos de Medicina Veterinária podem realizar intercâmbio na Espanha
Foto:As inscrições para o intercâmbio vão até dia 9 de fevereiro

O período de duração das bolsas é de dois meses, no período de abril a dezembro (sendo que os estudantes selecionados devem chegar antes de 15 de novembro). Para aqueles que tiverem interesse de participar do programa, mesmo sem o benefício da bolsa, também é uma grande oportunidade.

Willian Pasinato é acadêmico da 7ª fase do curso de Medicina Veterinária da Unoesc Campos Novos e em 2016 realizou este intercâmbio. No período em que esteve na Espanha, o estudante estagiou em alguns setores do hospital veterinário, no laboratório de doenças infectocontagiosas, nas clínicas de equinos e Biologia Molecular, de exames de PCR, e também de testes de vacinas inoculas em peixes, o que para ele, se revelou uma experiência única.

— Foi uma forma de aprendizado que eu não teria aqui no Brasil. Digo isso em relação a cultura e a língua utilizada na Espanha. Também pelas áreas de ensino que eu pude ter contato diariamente. Esse tempo de intercâmbio agregou muito no meu desempenho acadêmico, pois eu tive a oportunidade de fixar o conhecimento na prática, em coisas que apenas vi na literatura em sala de aula —contou Willian.

Além dele, as alunas de Xanxerê, Aline Rossetto e Renata Tomazeli, fizeram estágio obrigatório em 2015 na Universidad de Zaragoza.

Para os que estão indecisos em realizar o intercâmbio, Willian afirma que são muitos pontos positivos como por exemplo: fugir da rotina da sala de aula através das aulas práticas, conhecer um país, cultura e uma língua diferente da que se está acostumado a ouvir além de interagir com pessoas de vários países que lá estão pelo mesmo propósito.

— Fazer intercâmbio é crescer na vida, é agregar conhecimento, é saber se virar sozinho é voltar ao Brasil querendo ser melhor e aplicar o conhecimento adquirido lá. Portanto, quem tem interesse não pense muito, vá viver o melhor que a faculdade pode te proporcionar — afirmou.

As inscrições devem ser feitas pelo e-mail até o dia 09 de fevereiro. No site também está disponível a lista de documentos.

Fonte: Alessandra de Barros/Assessoria de Imprensa

Comentários
Publicidade
Anuncie Aqui
Anuncie Aqui
Anuncie Aqui
Anuncie Aqui
Anuncie Aqui
Anuncie Aqui