Apareceu aqui, virou notícia!
(49) 9111 4055
Previsão do Tempo
20-10-2018 | 08:35
JOAÇABA10/10/2018 às 18:00

Acadêmicos da Unoesc testam habilidades em um Mini Shopping

Acadêmicos da Unoesc testam habilidades em um Mini Shopping
Foto:Venda de alguns dos produtos

Na terça-feira 09 de outubro, o espaço de convivência do campus 1 da Unoesc Joaçaba se transformou em um Mini Shopping. A iniciativa multidisciplinar mobilizou acadêmicos dos cursos de Administração, Ciências Contábeis e Publicidade e Propaganda, com o objetivo de pôr em prática, as tomadas de decisões da área de marketing, envolvendo conhecimentos de Administração, Comunicação e de Contabilidade.

— A atividade mostra como é a realidade no mercado de trabalho, a importância de se trabalhar em equipe respeitando o papel de cada profissional dentro da empresa e, ao mesmo tempo, integrando estratégias, gerando negócios — afirmou o coordenador do curso de Publicidade e Propaganda, professor Paulo Ricardo dos Santos.

Divididos em equipes, com seis integrantes cada, sendo dois alunos de cada curso participante, os alunos optaram por comercializar produtos do ramo alimentício. Teve um pouco de tudo: coxinha, pastel, pizza, cachorro-quente, hambúrguer, batata frita, entrevero, cupcake, milk-shake, crepe e espetinho.

— A venda é o teste de aceitação. Antes, os acadêmicos precisam tomar decisões como a de escolher o produto que será posto à venda, atribuir um preço e as estratégias de comercialização. Também fazem pesquisa, levantamento de informações sobre o produto e o mercado, além da gestão de equipe — afirmou a coordenadora do curso de Administração, professora Tânia Durigon.

E os participantes tiveram que vencer desafios logo de início. O mau tempo registrado na região e que causou temporais e alagamentos, fez não só com que mudassem o local previsto para a comercialização dos produtos, como enfrentassem imprevistos com integrantes que não conseguiram chegar para a atividade, atraso na entrega da matéria-prima e de equipamentos para preparar os lanches. Com isso, das 18 equipes previstas para comercializar produtos, 14 conseguiram pôr ser negócio em prática. Ao final, eles apuraram se o produto teve aceitação, se teve lucro ou prejuízo e que fatores podem ter contribuído para isso.

— Tudo é aprendizado. Primeiro, por conta de avaliar as decisões tomadas tendo essas gerado sucesso e lucro nos negócios. E, diante de uma situação atípica como a que enfrentaram por conta do mau tempo, serviu para mostrar sobre a dependência de um único fornecedor, trabalhar oferecendo apenas um produto, a importância do planejamento prévio e análise de riscos do negócio ou sobre como contornar a situação agindo de forma empreendedora — afirmou o pró-reitor de Pesquisa, Pós-graduação e Extensão professor Fábio Lazzarotti.

A movimentação no local foi intensa. Acadêmicos de outros cursos, professores e quem mais passou pelo local compraram os produtos, tanto pelo emprego das estratégias para atrair a clientela como também, atraídos pelo delicioso aroma dos lanches sendo preparados e que tomou conta da área de convivência.

— A atividade fomenta o desenvolvimento de habilidades que colocam o aluno como empreendedor, com a vantagem que aqui no ambiente acadêmico, ainda é possível errar, enquanto que no futuro, estando em uma empresa, a possibilidade de erro deve ser minimizada. Ou seja, a prática o leva avaliar como uma atividade mal desenvolvida traz reflexos negativos não só para ele como profissional, como para a empresa que depende do seu trabalho — destacou o professor do curso de Ciências Contábeis, Maurício Cevey.

Fonte: Alessandra de Barros/Assessoria de Imprensa

Comentários
Publicidade Caitá Supermercados
Anuncie Aqui
Anuncie Aqui
Anuncie Aqui
Anuncie Aqui
Anuncie Aqui