Apareceu aqui, virou notícia!
(49) 9111 4055
Previsão do Tempo
17-08-2019 | 03:00
POLÍCIA12/02/2019 às 10:30

Cães ferozes que passeavam com adestrador atacam cachorro

Cães ferozes que passeavam com adestrador atacam cachorro
Foto:Fato aconteceu na Av. XV de Novembro

Um cachorro de rua foi atacado por cães ferozes na manhã desta segunda-feira (11) no centro de Joaçaba. A Polícia Militar foi acionada por populares, que relataram que um adestrador de cães passeava com aproximadamente seis pitbulls, sem o uso de focinheiras. De acordo com eles, o cuidador não conseguiu conter os cães, que atacaram e feriram o cachorro, tendo que ser auxiliado por pessoas que passavam pelo local. Ainda conforme as testemunhas, o adestrador teria deixado o local sem prestar socorro. O cachorro foi encaminhado a uma clínica para os cuidados necessários.

Diante dos fatos, a guarnição confeccionou o boletim de maus tratos contra animais e comunicou o fato à Polícia Civil.

Versão do adestrador

O adestrador de cães relata que realizava um trabalho voluntário de passear com os cães que são hóspedes temporários de uma ONG, quando o cachorro de rua se aproximou e mordeu o focinho de um pastor alemão, que respondeu com agressão. Ele afirma que não teve ajuda de ninguém, e que as pessoas ficaram apenas assistindo e filmando a cena. Afirma também que a lei municipal não exige o uso de focinheiras, que são uma forma de maus tratos, pois impedem a respiração e transpiração dos cães, o que pode causar até a morte do animal.     

“A cena foi assustadora pra mim e pra quem presenciou. Tentei entrar em contato com a veterinária, mas o celular estava desligado. Liguei pra Auqmia, mas estavam sem carro pra buscar. Vim trazer os cachorros em casa e liguei para farmácia (em frente onde aconteceu o fato) para saber do cachorro, e fui informado que a polícia não estava conseguindo pega-lo, pois estava agressivo. Liguei pra polícia me propondo a ajudar captura-lo e liguei também para a presidente da ONG, que imediatamente se deslocou ao local. Nesse tempo, a polícia já havia conseguido apanhar o cachorro e o encaminhou pra veterinária. Obrigado Polícia Militar”, descreveu em sua versão.

De acordo com ele, o cachorro foi socorrido e encaminhado para Auqmia Veterinária e sofreu apenas escoriações superficiais. “Vamos procurar o tutor desse cachorro e se não tiver será encaminhado pra adoção após ser castrado, vacinado e desverminado”, concluiu.

Cachorro havia fugido de casa

O cachorrinho não era um cão de rua. A proprietária informou que estava a sua procura, pois ele havia fugido de casa pelo terreno da vizinha. O cãozinho recebeu pontos e está se recuperando, mas conforme a proprietária, ainda sente muita dor.

O que diz a Lei Municipal?

Embora o adestrador afirme o contrário, a Lei Complementar Nº 135 de 12 de fevereiro de 2007 é bem clara:

Art. 148 - Os cães poderão andar na via pública desde que em companhia de seu dono, respondendo este pelas perdas e danos que o animal causar a terceiros, devendo a condução ou o transporte ser realizados obrigatoriamente:

II - com focinheira para animais das raças: pastor alemão, rotweller, dobermann, pitbull, fila brasileiro, dogue mastim, cane corso, dogo argentino, dálmata, huski siberiano e cimarron.

Vídeo abaixo momento da captura do cãozinho ferido:

Video
Comentários
Publicidade Caitá Supermercados
Anuncie Aqui
Anuncie Aqui
Anuncie Aqui
Anuncie Aqui
Anuncie Aqui
Anuncie Aqui
Anuncie Aqui
Anuncie Aqui