Apareceu aqui, virou notícia!
(49) 9111 4055
Previsão do Tempo
23-07-2019 | 02:27
SAÚDE31/05/2019 às 08:30

Dia Mundial sem Tabaco é celebrado nesta sexta-feira

Dia Mundial sem Tabaco é celebrado nesta sexta-feira
Foto:Imagem ilustrativa

O Dia Mundial sem Tabaco, celebrado neste dia 31 de maio, é uma oportunidade para aumentar a conscientização sobre os efeitos nocivos e mortais do uso do tabaco e da exposição ao fumo passivo, e para desencorajar o uso do tabaco em qualquer forma.

Segundo a Organização Mundial de Saúde, o tabagismo é a principal causa de morte evitável em todo o mundo, sendo responsável por 63% dos óbitos relacionados às doenças crônicas não transmissíveis. Destes, o tabagismo é responsável por 85% das mortes por doença pulmonar crônica (bronquite e enfisema), 30% por diversos tipos de câncer (pulmão, boca, laringe, faringe, esôfago, pâncreas, rim, bexiga, colo do útero, estômago e fígado), 25% por doença coronariana (angina e infarto) e 25% por doenças cerebrovasculares (acidente vascular cerebral). Também é um fator importante de risco para o desenvolvimento de outras enfermidades, tais como tuberculose, infecções respiratórias, úlcera gastrintestinal, impotência sexual, infertilidade em mulheres e homens, osteoporose, catarata, entre outras (INCA, 2018).

Todo ano a campanha aborda um aspecto de saúde prejudicado pelo uso do tabaco. Neste ano, a mesma está buscando alertar para os riscos de doenças pulmonares oriundas do consumo de tabaco e de seus produtos derivados, sendo que a epidemia global do tabaco mata mais de sete milhões de pessoas por ano das quais, cerca de 900 mil são não fumantes que morrem por respirar o fumo passivo. 

Diante disso, a Secretaria de Saúde de Joaçaba alerta para o impacto negativo que o uso do tabaco e a exposição ao fumo passivo exercem sobre a saúde pulmonar, do câncer de pulmão às doenças respiratórias crônicas, como asma e doença pulmonar obstrutiva crônica, que inclui bronquite e enfisema, pois o tabaco fumado, em qualquer uma de suas formas, é responsável por até 90% de todos os cânceres de pulmão.

O tabagismo é reconhecido como uma doença epidêmica que causa dependência física, psicológica e comportamental semelhante ao que ocorre com o uso de outras drogas como álcool, cocaína e heroína. A dependência ocorre pela presença da nicotina nos produtos à base de tabaco.

Na rede pública de saúde existe tratamento para auxiliar quem deseja parar de fumar, basta que a pessoa busque informações em sua Unidade de Saúde ou entre em contato no telefone (49) 3522-8428.

Fonte: Marivania Carvalho da Silva/Assessoria de Comunicação

Comentários
Publicidade Caitá Supermercados
Anuncie Aqui
Anuncie Aqui
Anuncie Aqui
Anuncie Aqui
Anuncie Aqui
Anuncie Aqui
Anuncie Aqui
Anuncie Aqui