Apareceu aqui, virou notícia!
(49) 9111 4055
Previsão do Tempo
25-08-2019 | 01:39
TEMPO04/06/2019 às 17:00

Santa Catarina teve o maio mais chuvoso dos últimos 25 anos

Santa Catarina teve o maio mais chuvoso dos últimos 25 anos
Foto:Reprodução internet

O mês de maio de 2019 foi o mais chuvoso dos últimos anos na maioria das regiões catarinenses. No Extremo Oeste o total de chuva no mês de maio foi recorde em Dionísio Cerqueira, com 494,2 mm. No Litoral Sul, a estação de Urussanga registrou recorde diário de 128,4 mm no dia 25, e Laguna o recorde mensal de 482,6 mm. No Meio Oeste, a estação de Caçador registrou dois recordes: o diário de 104,6 mm no dia 31 e o mensal de 260 mm. No Planalto Norte a estação de Rio Negrinho teve recorde diário de 126 mm (31/05/2019) e mensal de 289,4 mm.

O mês de maio possui uma média climatológica de aproximadamente de 120 a 160 mm nas regiões do Oeste e Meio-Oeste de Santa Catarina. Do Planalto ao Litoral, a média é menor, variando entre 100 a 120 mm. No Litoral, os valores médios de chuva ainda são bem menores em relação as demais regiões, sendo a Grande Florianópolis, e, principalmente no Litoral Sul como a região de menor média para o mês (80 mm em média).

A região menos chuvosa foi a do Vale do Itajaí, mesmo assim os valores foram em torno de 170 a 200 mm, bem acima da média da região (100 mm). No Planalto Norte, as médias ficaram por volta de 240 a 280 mm, também bem acima da média (120 mm). No Litoral Norte, a média foi similar ao Planalto Norte, porém alguns valores superam facilmente os 300 mm, a média da região é de 100 mm. Os destaques foram Joinville com 328,2 mm e Garuva com 357,4 mm. Muito acima do normal.

No Planalto Sul catarinense, as médias de chuva variaram entre 230 a 280 mm, com seu maior valor registrado em Bom Jardim da Serra com 344 mm. A média da região é de 100 a 120 mm.

Na região da Grande Florianópolis não foi muito diferente, maio chuvoso com valores médios de 190 a 210 mm. Os picos mensais de chuva foram 228 mm na Capital e 236,7 mm em Rancho Queimado.

O Meio-Oeste do estado foi uma das regiões mais chuvosa de maio, com média mensal de 260 a 290 mm. Os maiores acumulados foram: 316 em Joaçaba, 325 mm em Campo Belo do Sul, 325 mm em Zortéa, 331,8 em Tangará, 353 mm em Abdon Batista e 402,6 mm em Campos Novos. A média mensal deste município é em torno de 140 mm.

O Oeste de Santa Catarina foi muito chuvoso neste mês, com totais de chuva de 280 a 300 mm, bem acima dos valores médios mensais esperados para mai. Os municípios com maiores acumulados de chuva foram: Chapecó com 299,2 mm, Maravilha 300 mm, Águas Frias com 313,6 mm, Seara com 314,8 mm, Xanxerê; 337,8 mm e Dionísio Cerqueira com 410,4 mm, muito acima dos 160 mm da média mensal daquela região.

O Litoral Sul catarinense foi a região mais afetadas com as fortes chuvas de maio. A somatória média superou os 300 mm, e, a média mensal é de 80 mm apenas, quase quatro vezes mais em relação a normalidade. Araranguá 413 mm, Imbituba registrou 414 mm, Tubarão 423 mm, Laguna 498 mm e 507 mm em Timbé do Sul, aproximadamente seis vezes o total de chuva que é registrado em média nesse município.

A última vez que Santa Catarina teve um maio tão chuvoso com valores acima de 400 mm, foi em 1994, mesmo assim, esses valores foram somente no Litoral Sul. Nas demais regiões, a média foi bem menor, ou seja, este foi o maio mais chuvoso dos últimos 25 anos na média, em todas as regiões de Santa Catarina.

Comentários
Publicidade Caitá Supermercados
Anuncie Aqui
Anuncie Aqui
Anuncie Aqui
Anuncie Aqui
Anuncie Aqui
Anuncie Aqui
Anuncie Aqui
Anuncie Aqui