Apareceu aqui, virou notícia!
(49) 9111 4055
Previsão do Tempo
27-06-2019 | 03:04
GERAL02/08/2013 às 16:09

Chapecó sedia o maior encontro da comunicação barriga-verde

Encontro da Imprensa Catarinense reúne 500 profissionais e homenageia grandes nomes da mídia

Todos os profissionais que atuam na vasta área da comunicação social – jornalistas, radialistas, radiodifusores, publicitários, relações públicas, docentes, mídias etc – participarão do 6o Encontro da Imprensa Catarinense que acontece neste sábado (03) na sede campestre da CDL em Chapecó.  A festa reunirá 500 profissionais de todas as regiões do Estado e terá, como destaque, a homenagem a grandes nomes da comunicação barriga-verde.

Pelo critério de distinção aos profissionais com 50 anos de atividade serão homenageados o radialista Antoninho da Fronteira, o publicitário Emílio Cerri, o radiodifusor e empresário Mário Petrellio jornalista, escritor e historiador Moacir Pereira e o radialista e presidente da Associação dos Cronistas Esportivos de Santa Catarina, J.B. Telles.

A programação também prevê homenagem institucional da ACI (Associação Catarinense de Imprensa) para a professora Ilka Margot Goldschmidt, pré-lançamento da EFAPI 2013, almoço de confraternização, sorteio de brindes e show musical.

O 6º Encontro da Imprensa Catarinense está sendo organizado pela ACI e MB Comunicação Empresarial/Organizacional com apoio da Câmara de Dirigentes Lojistas de Chapecó, com coordenação geral do diretor regional Marcos Antonio Bedin e supervisão do presidente Ademir Arnon.

 

Conheça um pouco sobre os homenageados desta edição:

Jornalista Moacir Pereira - Considerado o mais respeitado e influente jornalista catarinense, o escritor, historiador e colunista completa neste ano, cinco décadas de jornalismo e 67 anos de vida como uma das figuras mais reverenciadas na comunicação catarinense. Atua há 15 anos no Grupo RBS, onde atualmente é colunista no jornal Diário Catarinense, além de participar na programação da RBS TV, TVCOM e CBN Diário como comentarista e manter um blog de notícias e análises. É especializado em assuntos políticos, sociais e econômicos, membro da Academia Catarinense de Letras e do Instituto Histórico e Geográfico de Santa Catarina. Recebeu o Prêmio Nacional de Comunicação Luiz Beltrão, conferido pela Intercom. 

Escreveu mais de 30 obras, entre elas Imprensa e Poder, A comunicação em Santa Catarina, O Golpe das Letras, Comunicação e liberdade e A Democratização da Comunicação.  Fundou e coordenou o primeiro curso de jornalismo em Santa Catarina (na UFSC), é ex-presidente do Sindicato dos Jornalistas Profissionais de Santa Catarina e da Associação Catarinense de Imprensa. Também foi correspondente, em Santa Catarina, da extinta revista Manchete e do Jornal de Brasília. Atuou como conselheiro da Federação Nacional dos Jornalistas e é cidadão honorário de vários municípios.

Radiodifusor Mário Petrelli - Um dos mais arrojados empresários da radiodifusão brasileira, Mário José Gonzaga Petrelli é graduado em Direito pela Universidade Federal do Paraná (1959) e tem uma longa trajetória na imprensa brasileira. Foi controlador da TV Cultura de Florianópolis e da TV Coligadas de Blumenau e fundou as televisões Cultura de Chapecó (hoje, RBS TV) e TV O Estado, também de Chapecó (hoje, RIC Record).

É fundador e presidente emérito da Rádio e TV Independência S/A de Curitiba (PR), do sistema RIC Record no Paraná e em Santa Catarina. Também fundou os jornais “Notícias do Dia” em Santa Catarina e “Record News” em Santa Catarina e Paraná. É vice-presidente do Conselho de Administração da DTCOM-Direct To Company, membro do Conselho Consultivo do Grupo Icatú-Itaboraí Participações S/A. É diretor da Icatu Hartford Seguros e Capitalização, vice-presidente da Companhia de Seguros Gerais e da Confederação Nacional de Seguros Privados e Capitalização. É membro do Conselho de Política Superior da Federação das Empresas de Seguros e Capitalização e do Conselho Político da Associação Comercial de São Paulo. É fundador e membro do Conselho Superior da Academia Nacional de Seguros, Previdência e Capitalização, com sede em São Paulo e membro do Conselho da Portobelo. Foi diretor do Banco do Brasil.

Radialista J.B.TELLES - Um dos radialistas mais conhecidos e admirados do sul do país, o presidente da Associação dos Cronistas Esportivos de Santa Catarina (ACESC) J.B. Telles, é o jornalista catarinense credenciado em mais Copas do Mundo, seis ao total (Itália, Estados Unidos, França, Japão/Coreia; Alemanha e África do Sul), uma Copa das Confederações em Dubai e sete copas Américas (Equador, Chile, Peru, Uruguai, Paraguai, Venezuela e Argentina). Como radialista já esteve presente em 151 jogos da seleção brasileira de futebol em diferentes lugares do mundo. Telles também foi assessor de comunicação das Secretarias Estaduais de Educação, da Cultura, Esporte e Turismo, da Fundação Catarinense de Esporte (Fesporte), da Federação Catarinense de Futebol e do Figueirense Futebol Clube.

Coordenou por seis anos o serviço de imprensa dos Jogos Abertos de Santa Catarina, competição que acompanha desde 1965 e no qual foi o locutor do cerimonial por 12 anos e os Jogos Estudantis Brasileiros em Campo Grande (MS). Desde 1998 é responsável pelo credenciamento da imprensa esportiva de todo o mundo nos jogos da seleção brasileira de futebol no Brasil, com atividades em 57 partidas.Foi membro do Conselho Estadual de Esporte em dois mandatos e em 1999 recebeu o título deComendador do Desporto em Santa Catarina do Conselho Estadual de Esporte. Sua marca reconhecida até hoje é “Gol, Gol, Gol”.

Publicitário Emílio Cerri - Um dos mais premiados publicitários de Santa Catarina, Emílio Cerri, é natural de Florianópolis e iniciou suas atividades profissionais como radialista e jornalista. Começou na extinta Rádio Anita Garibaldi, depois foi diretor da Rádio Santa Catarina e locutor da Rádio Guarujá. Foi âncora de programas jornalísticos e diretor da TV Brasília e TV Rádio Nacional (DF). Nos anos 80, foi diretor na TV Cultura, de Florianópolis.

Com 50 anos de atuação em comunicação e marketing, passou por diversas agências e empresas de São Paulo, Rio de Janeiro, Brasília e Florianópolis, entre as quais Propague, Agência GJ (Brasília) JMM (Rio), Agência SC, Agência Exa, entre outras, ocupando cargos de direção, planejamento e criação. Foi um dos criadores da Associação Catarinense de Propaganda, sendo também seu presidente, vice-presidente do Conselho Nacional das Associações de Propaganda, além de sócio fundador do Sindicato das Agências integrando sua diretoria.

Na área de shopping centers, foi membro da equipe estratégica do Conjunto Nacional Brasília. Integrou o grupo de planejamento do Shopping Itaguaçú (São José), sendo seu superintendente entre 1982 e 1986. Em sequência a uma longa carreira nas comunicações de marketing e na mídia, tornou-se especialista em Comunicações Integradas de Marketing e Marketing de Relacionamento. Atualmente é consultor e realiza a "evangelização" das melhores práticas de comunicação integrada e relacionamento através de palestras, cursos em universidades e empresas, entrevistas e publicação de artigos. Também participa da programação jornalística da Rádio Guarujá.

Radialista Antoninho da Fronteira - Ele tem quase 60 anos de rádio e continua na ativa. Radialista e músico, um dos pioneiros da radiodifusão do alto Uruguai catarinense, Antoninho da Fronteira iniciou na atividade em 1954, como um dos apresentadores do Programa "Roda do Chimarrão", na Rádio Rural de Concórdia, onde permanece até hoje. Além da Rural, atuou também na Rádio Salete, de Marcelino Ramos (RS). Paralelamente a carreira de comunicador, tornou-se conhecido no sul do País  como cantor de estilo regional, principalmente da música gauchesca.

Antoninho, cujo nome de batismo é Antonio Ricardo Comassetto, nasceu em 04 de março de 1930 nas barrancas do Rio Ibicuí, em Santa Maria da Boca do Monte. Deixou sua terra natal ainda menino, para viver em Concórdia, no oeste catarinense. Seu pai, Ângelo Comassetto, foi um grande gaiteiro nos bailes do rincão. Por isso, Antoninho traz um estilo próprio de cantor campeiro, como um homem que nasceu com o dom de repentista e com a missão de cantar.

Iniciou sua atividade artística em 1954, como um dos integrantes do programa “Roda de Chimarrão”, ainda em atividade na Rádio Rural de Concórdia. Logo depois, Antoninho também começou a apresentar seu próprio programa, “Saudades da Minha Terra”, levado ao ar todos os domingos pela mesma emissora. As composições, gravações e os muitos sucessos colecionados ao longo de sua trajetória musical deram origem também ao programa “Antoninho Canta na Rural”, dedicado às músicas do cantor e às interpretações de amigos e convidados.

Professora Ilka Goldschmidt - A jornalista, documentarista e mestre em comunicação social pela Universidade Metodista de São Paulo, será distinguida na categoria das homenagens institucionais da ACI.

A professora Ilka coordenou a criação do primeiro curso superior de jornalismo no grande oeste catarinense, em 1998, na Unoesc Chapecó, atual Unochapecó. Também coordenou o curso de pós-graduação em Metodologia do Ensino Superior em Comunicação Social, oferecido por meio de convênio com o a Universidade Metodista de São Paulo. É professora das disciplinas: Fundamentos do Jornalismo, Telejornalismo I, II, III, Projetos Experimentais, Produção para a TV, Comunicação Comparada. Desde 2007 coordena, na Unochapecó, o projeto de extensão “Documentário e Comunidade – uma história que vai virar filme”. Desde 2009 coordena o Núcleo de Iniciação Científica em Mídia Cidadã, através do qual foram produzidas mais de dez pesquisas na área.  Atuou em diversas funções como jornalista.  Atualmente concilia as atividades no Curso de Jornalismo da Unochapecó com os projetos audiovisuais na Margot Produções, onde é diretora, produtora, roteirista e editora.

 

Fonte: MB Comunicação

Comentários
Publicidade Caitá Supermercados
Anuncie Aqui
Anuncie Aqui
Anuncie Aqui
Anuncie Aqui
Anuncie Aqui
Anuncie Aqui
Anuncie Aqui