Apareceu aqui, virou notícia!
(49) 9111 4055
Previsão do Tempo
24-01-2017 | 11:07
ENTRETENIMENTO14/10/2013 às 08:30

Efapi 2013: público e volume de negócios superaram expectativas

Efapi 2013: público e volume de negócios superaram expectativas
Foto:Shows atraíram multidões

A boa fase que vive o agronegócio brasileiro refletiu nas transações da Exposição-feira Agropecuária, Industrial e Comercial (EFAPI 2013) encerrada neste domingo (13). Os setores de máquinas pesadas, máquinas agrícolas, automotivos e pecuária de corte e de leite concentraram o maior volume de negócios da expo-feira – que, na composição global, indicam 126 milhões de reais de movimento econômico, de acordo com o coordenador geral Américo do Nascimento Júnior. O público visitante total, até sábado de madrugada, foi contabilizado em 517,2 mil pessoas, atingindo a meta na noite de domingo (550 mil pessoas).

Na avaliação geral, a expo-feira foi aprovada por expositores, visitantes, patrocinadores e organizadores, como expressam os depoimentos das lideranças presentes.

O presidente de honra e secretário da Agricultura e Pesca de Santa Catarina, deputado federal licenciado João Rodrigues, antecipou algumas inovações que devem ser adotadas em 2015: a abertura do setor pecuário às 9 horas da manhã e não mais às 15 horas e a provável segregação da área de shows, separando a expo-feira dos megaespetáculos.

O prefeito José Caramori lembrou que a feira é da sociedade chapecoense, fruto da união e do esforço dos empresários, dos trabalhadores, das entidades e do Poder Público. É a maior vitrine de difusão do município. Seu planejamento, gestão e execução obedecem rigorosas normas  de transparência e legalidade. Por isso, sente-se “realizado ao encerrar mais uma edição contabilizando sucesso econômico (vendas e negócios) e institucional (projeção do município e atração de investimentos).”

Máquinas pesadas e máquinas agrícolas contabilizaram mais de 200 negócios fechados e outros 450 prospectados para os próximos meses, o que totaliza mais de 60 milhões de reais em operações mercantis.

 Um dos exemplos mais eloquentes é o da Mantomac, empresa fundada em Chapecó há 26 anos, concessionária da marca Komatsu para Santa Catarina e Rio Grande do Sul. A empresa vendeu 32 máquinas durante a EFAPI, num montante de 14 milhões de reais. Existem outros 30 negócios entabulados com alta probabilidade de fechamento, com previsão de mais 13 milhões de reais, informam os diretores-proprietários Valdir Moratelli e Pedro Marchi.

O produto de maior venda foi o trator de esteiras Komatsu D51 que teve 12 unidades adquiridas durante a expo-feira e rendeu faturamento de nove milhões de reais. Outra vedete foi a Hybrid HB205, primeira escavadeira hidráulica híbrida fabricada no Brasil. Custa 510 mil reais e consome 25% menos combustível que as concorrentes porque consegue produzir parte da energia que utiliza.

A empresa também vendeu geradores, rolo-compactadores, pá-carregadeiras e varredeira mecânica. Os compradores foram empreiteiras, construtoras e empresários rurais. “Esse volume de vendas nos surpreendeu e ficou muito acima de nossas melhores expectativas”, festejou Moratelli.

A Pesa, outra empresa de máquinas pesadas, vendeu oito unidades no montante de 3,5 milhões de reais. Segundo Ana Jaqueline Pertile, os clientes são dos mais diversos segmentos, desde agricultores, empresários, órgãos públicos até empresas da construção civil.

A boa fase do agronegócio deixou sua marca benfazeja na EFAPI. A Bugio Tratores, de Chapecó, vendeu 10 máquinas no valor de dois milhões de reais e prevê, no período pós-feira, a venda de mais 1,5 milhão em negócios. O líder de venda foi o trator Case Farmal 80, ao custo de 80 mil reais. Também foi fechado negócio de uma colheitadeira Case 2566 no valor de 600 mil reais, relata o gerente Alison Lanzarin.

A empresa Tecnosafra, representante da John Deere, concluiu com sucesso dez negócios: sete tratores JD5078, um trator de médio porte e duas colheitadeiras que somaram dois milhões de reais em faturamento. O gerente Dinar César Pertussati prevê, com segurança, que outros 20 negócios serão fechados no período pós-feira. Entre as máquinas vendidas, uma avançada colheitadeira 9470 no valor de 600 mil reais.

A Pippi Máquinas, operadora da marca Massey Fergusson, vendeu seis tratores na expo-feira e tem outros seis negócios agendados para o período pós-EFAPI. O produto mais procurado foi o trator 4275, de acordo com o gerente Ladair Peroza. Produtores rurais de leite e de grãos foram os principais compradores.

AUTOMOTIVOS & AGRO

O setor automotivo brilhou novamente nessa edição da EFAPI: 27 marcas, 17 empresas e mais de 250 veículos entre automóveis, motos e utilitários compuseram o acervo expositivo. Cerca de 220 automotores foram vendidos e há agendamento prospectivo para pelos menos 810 contatos pós-feira, com taxa positiva de fechamento superior a 10% nos próximos 120 dias.

Por outro lado, o setor pecuário reuniu cerca de 1.000 animais para julgamento, leilão ou venda direta e movimentou 750 mil reais.

MEGASHOWS

Durante os dez dias da exposição-feira-festa desfilaram 30 shows nacionais pelo mega palco, outros 50 shows regionais pelos palcos principal e alternativo, reunindo multidões na área de espetáculos. Entre as estrelas, Luan Santana, Michel Teló, Skank, Jorge & Mateus, Jota Quest, Victor & Leo, Gusttavo Lima e Paula Fernandes. Foi a maior concentração de artistas no sul do Brasil em 2013.

Fonte: MB Comunicação

Comentários
Publicidade
Anuncie Aqui
Anuncie Aqui
Anuncie Aqui
Anuncie Aqui
Anuncie Aqui
Anuncie Aqui