Apareceu aqui, virou notícia!
(49) 9111 4055
Previsão do Tempo
20-06-2019 | 07:11
ESTADO03/12/2013 às 09:30

Bem na foto. Governo começa a pagar dívida histórica com advogados

Bem na foto. Governo começa a pagar dívida histórica com advogados
Foto:OAB

Foi assinado na tarde desta segunda-feira, 2/12, em Florianópolis, o protocolo entre o Governo do Estado e a regional da Ordem dos Advogados do Brasil (OAB) de Santa Catarina que dá início ao pagamento dos honorários da Defensoria Dativa, uma dívida acumulada há 17 anos que agora será quitada integralmente. Participaram da cerimônia o governador Raimundo Colombo; o presidente da OAB-SC, Tullo Cavallazzi; o procurador Geral do Estado, João dos Passos Martins Neto; e o presidente da Assembleia Legislativa do Estado, Joares Ponticelli; entre outras autoridades. O ato de assinatura foi aplaudido de pé pela plateia de advogados.

O valor integral da dívida soma R$ 100 milhões e abrange todas as certidões protocoladas na OAB-SC até 05/04/2013 por 6.541 advogados. Deste valor, R$ 40 milhões foram pagos nesta segunda, dia 2. O restante será pago em outras seis parcelas mensais de R$ 10 milhões cada. As fontes do recurso são o fundo da Defensoria Dativa e o Tesouro do Estado. O pagamento se dará pela ordem das certidões; primeiro serão quitadas as certidões mais antigas.

“Essa é uma dívida reconhecida e que precisava ser honrada, é um ato de Justiça. Mas é também o reconhecimento desses profissionais e de valorização de um trabalho prestado. Os advogados dativa foram, nestes anos todos, a voz daqueles que não tinham voz, a esperança daqueles que se sentiam injustiçados. Agradeço à OAB, à equipe de Governo e a todos que se empenharam nessa solução", discursou o governador Raimundo Colombo.

O procurador Geral do Estado, João dos Passos Martins Neto, destacou que com o valor anunciado nesta segunda, o montante pago pelo governo Raimundo Colombo à Defensoria Dativa totaliza R$ 140 milhões, quantia que supera o pago pelo Estado ao setor entre os anos de 1999 e 2010. "O ato de hoje representa o reconhecimento de um importante serviço profissional prestado à população catarinense, o reconhecimento da nossa sociedade aos advogados dativa, que durante décadas foram a única via de contato do homem simples com a Justiça, o única forma de defesa destas pessoas", comemorou o procurador.

O presidente da OAB-SC, Tullo Cavallazzi, definiu como histórico o ato desta segunda e agradeceu ao emprenho do governador Colombo, do procurador João dos Passos, e do secretário de Estado da Fazenda, Antonio Gavazzoni, no caso. "Esse ato representa o reconhecimento e a valorização de toda a advocacia catarinense. O pagamento da dívida beneficia quase 7 mil advogados do Estado, mas os outros mais de 30 mil advogados que integram a OAB em SC também aguardavam essa decisão, por perceber nela o reconhecimento da nossa profissão", defendeu Cavallazzi,

Defensoria Dativa e Defensoria Pública
A Defensoria Dativa, que por 25 anos foi responsável pelo atendimento jurídico gratuito aos cidadãos catarinenses sem condições de pagar por um advogado, não existe mais, desde que sua inconstitucionalidade foi declarada, em 2012, pelo Supremo Tribunal Federal. Em 2013, o Governo do Estado criou a Defensoria Pública (www.defensoria.sc.gov.br), órgão responsável pelo serviço de assistência judiciária gratuita à população. Hoje, a equipe é formada por 60 defensores públicos catarinenses que atuam em diferentes cidades do Estado.

 

Fonte: Assessoria de Comunicação

Comentários
Publicidade Caitá Supermercados
Anuncie Aqui
Anuncie Aqui
Anuncie Aqui
Anuncie Aqui
Anuncie Aqui
Anuncie Aqui
Anuncie Aqui