Apareceu aqui, virou notícia!
(49) 9111 4055
Previsão do Tempo
13-11-2019 | 05:16
EDUCAÇÃO27/03/2013 às 15:53

Bolsas do Fundo Social: Estado garante pagamento de valores atrasados

Bolsas do Fundo Social: Estado garante pagamento de valores atrasados
Foto:Divulgação

O Secretário de Estado da Fazenda, Antonio Gavazzoni, assumiu o compromisso de dialogar com o Secretário de Estado de Educação, Eduardo Deschamps, e estabelecer um cronograma para o pagamento dos valores relativos à manutenção das bolsas de estudo do Fundo Social, que estão em atraso. Ao total, são R$ 18 milhões que já deveriam ter sido repassados às instituições de ensino desde que essa modalidade de bolsa foi criada, em 2010.

O assunto foi pauta de uma reunião na terça-feira entre o Secretário da Fazenda e o Conselho Deliberativo da Acafe. O Reitor da Unoesc, Aristides Cimadon, participou da discussão e conta que além de se comprometer em fazer os repasses atrasados de modo parcelado, Gavazzoni garantiu a manutenção das bolsas já concedidas a estudantes de todo o Estado, além de uma reestruturação do programa para que ele tenha continuidade nos próximos anos.

– Esse programa inclui os alunos mais carentes, que não conseguem ter acesso à educação pública por estarem distantes dessas instituições e por não terem condições de fazer um ensino médio com qualidade suficiente para isso – comenta o Reitor.

As bolsas do Fundo Social

Essa modalidade de bolsa de estudo foi criada em 2010, por meio de lei estadual. São bolsas de 100% de gratuidade, para a manutenção das quais o Estado repassa 30% do valor da mensalidade às instituições de ensino.

Somente à Unoesc, está em atraso o repasse de quase R$ 3,7 milhões. Desde que foi criado o benefício, apenas R$ 495 mil foram pagos a essa Universidade.


Fonte: Bruna Santos de Andrade/Unoesc

Comentários
Publicidade Caitá Supermercados
Anuncie Aqui
Anuncie Aqui
Anuncie Aqui
Anuncie Aqui
Anuncie Aqui
Anuncie Aqui
Anuncie Aqui
Anuncie Aqui
Anuncie Aqui