Apareceu aqui, virou notícia!
(49) 9111 4055
Previsão do Tempo
19-09-2020 | 05:13
POLÍCIA11/10/2013 às 09:30

Polícia de Joaçaba participa de operação que prendeu quadrilha que assaltava ônibus de excursões

Polícia de Joaçaba participa de operação que prendeu quadrilha que assaltava ônibus de excursões
Foto:Polícia Civil

A Polícia Civil deflagrou, nesta quinta-feira, 10, a Operação Excursão, comandada pela Diretoria Estadual de Investigações Criminais (DEIC), que resultou na prisão de uma quadrilha responsável por pelo menos 15 assaltos a ônibus de excursão que saíam de Santa Catarina, Paraná e Rio Grande do Sul para fazer compras em São Paulo. Além dos cinco presos, foram apreendidos dois fuzis calibre 556, uma metralhadora MT12 calibre 9mm, um revólver calibre .38, quatro pistolas 9mm, coletes da polícia e fardas da Polícia Rodoviária Estadual usados em falsas blitz. Foram cumpridos três mandados de busca e apreensão e cinco mandados de prisão preventiva na região de Curitiba.

O grupo se passava por policiais, inclusive usando fardamento, e abordavam os ônibus em falsas blitz. A investigação da Divisão de Furtos e Roubos (DFR) da DEIC levantou assaltos ocorridos desde 2011, em que o bando é suspeito pela autoria. Uma das últimas ações foi contra ocupantes de dois ônibus com comerciantes que saíram de Brusque e Rio Grande/RS, e que foram mantidos sob a mira de armas de fogo por longo período, na cidade de Cajati/SP.

Em cada ônibus assaltado eram levados cerca de R$100mil a R$ 200 mil. Os objetos subtraídos das vítimas – entre eles mais de 300 celulares apreendidos – eram vendidos por um integrante da quadrilha que possui uma loja de celulares em Curitiba/PR.

Foram presos hoje: Maila Ribeiro Moraes, de 28 anos (natural de Marechal Cândido Rondon/PR); Roseli Moraes, 29 anos (natural de Pitanga/PR); Levi Pereira, de 30 anos (natural de Franco da Rocha/SP); Sidnei Ferreira de Amorim, de 31 anos (natural de São José das Palmeiras/PR); os quatro primeiros presos em duas residências, ambas no Bairro Sítio Cercado, em Curitiba, e Márcio José Gonçalves Oliveira, de 32 anos (natural de Curitiba/PR), detido em um sítio no município paranaense de Araucária. No sítio foram encontrados escondidos enterrados dentro de um tonel, próximo da casa, todo o armamento apreendido.

Esquema criminoso

As mulheres atuavam dirigindo os carros e levando as armas até o local onde seria feita a abordagem, além de dar fuga aos homens. Pereira e Amorim, os líderes da quadrilha, juntamente com Oliveira faziam as abordagens e os assaltos. Oliveira ainda guardava as armas e restante do material usado nos roubos.

As investigações e os mandados de busca e prisão preventiva foram coordenados pelo delegado Anselmo Cruz. Participaram da operação, além da Divisão de Furtos e Roubos da DEIC, a Delegacia da Polícia Civil de Joaçaba e de Caçador e a Delegacia do Consumidor (Delcon) do Paraná. Os conduzidos serão encaminhados para o sistema prisional de Joaçaba, onde foram expedidos os mandados.

Fonte: Assessoria de Comunicação

Comentários
Publicidade Caitá Supermercados
Anuncie Aqui
Anuncie Aqui
Anuncie Aqui
Anuncie Aqui
Anuncie Aqui
Anuncie Aqui