Apareceu aqui, virou notícia!
(49) 9111 4055
Previsão do Tempo
18-11-2019 | 08:30
SAÚDE17/04/2014 às 08:45

Santa Catarina comemora 100% de adesão no Programa Mais Médicos

Santa Catarina comemora 100% de adesão no Programa Mais Médicos
Foto:Divulgação

Encerrou nesta quarta-feira, 16, o ciclo de palestras sobre a saúde pública catarinense aos profissionais do Programa Mais Médicos, do Governo Federal. Mais um grupo de 117 médicos estrangeiros foi preparado para atuar nas redes de atenção básica dos municípios de Santa Catarina. No total, vieram para o Estado 416 profissionais pelo Programa Mais Médicos.

O alcance de 100% da meta de adesão dos profissionais do Programa Mais Médicos em Santa Catarina foi comemorado por todos. “O Mais Médicos é fruto do trabalho da Federação, estados e municípios, uma vitória do Sistema Único de Saúde”, destaca Jerzey Timóteo, o coordenador nacional adjunto do Programa Mais Médicos.

O secretário-adjunto de Estado da Saúde, Acélio Casagrande, enfatizou que o Mais Médicos foi o programa que mais lhe deu satisfação de participar. “Fui a Cuba conhecer o programa de Estratégia da Saúde da Família (ESF) aplicado lá e fiquei impressionado, pois os profissionais conhecem a família, a história e a origem de cada membro, mostrando por que é um país com atenção básica de primeiro mundo”.

Santa Catarina está caminhando para ter uma ESF de primeiro mundo, como observa o secretário-adjunto. “Temos a melhor expectativa de vida do país, aumentamos para R$ 50 milhões em 2014 o cofinanciamento em ESF em SC, estamos concluindo as Centrais de Regulação Hospitalares em todo o Estado que irão auxiliar ainda mais os municípios, tudo isso com o apoio ativo do Ministério da Saúde”, lembra Casagrande.

Na solenidade de encerramento estavam presentes mais de 200 pessoas, incluindo os médicos do programa, prefeitos, secretários de saúde e técnicos dos municípios que irão receber os profissionais. Depois da cerimônia, os profissionais foram encaminhados para mais de 60 municípios catarinenses e para um distrito indígena. O evento foi realizado no Ingleses Praia Hotel, Norte da ilha, em Florianópolis. Dos 117 médicos que realizaram o treinamento, 96 são cubanos. O restante são brasileiros formados no exterior, uruguaios, argentinos e venezuelanos.

Durante sua estada em Florianópolis, os profissionais receberam informações sobre as políticas públicas de saúde, Telessaúde, programas e ações desenvolvidas na Atenção Básica. Os médicos estrangeiros conheceram como funciona o Serviço de Regulação do Estado, o Tratamento Fora do Domicílio (TFD), o Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (SAMU) e o Centro de Informações Toxicológicas (CIT). Além de entenderem como funciona o Laboratório Central de Santa Catarina (Lacen), a Diretoria de Assistência Farmacêutica (DIAF) e as diretorias de Vigilância Epidemiológica (DIVE) e Sanitária (DVS). O curso, que iniciou na última segunda-feira (14), foi dado por técnicos da Secretaria de Estado da Saúde (SES).

Fonte: Assessoria de Comunicação

Comentários
Publicidade Caitá Supermercados
Anuncie Aqui
Anuncie Aqui
Anuncie Aqui
Anuncie Aqui
Anuncie Aqui
Anuncie Aqui
Anuncie Aqui
Anuncie Aqui
Anuncie Aqui