Menu

Jornalismo (49) 99111-4055

Anuncie no Portal (49) 99117-4389

Previsão do Tempo 16/04/2024 | 19:59

Joaçaba

Polícia prende em Joaçaba mais um suspeito de estar ligado ao PGC

Publicado em 20/02/2013 ás10:27

Delegado Regional Ademir Tadeu de Oliveira

Foto: Delegado Regional Ademir Tadeu de Oliveira

Agen tes da Divisão de Investigações Criminais de Joaçaba (DIC) e Polícia Militar prenderam na tarde de ontem (19) no bairro Clara Adélia em Joaçaba, Anderson Gomes, popular Coelho, suspeito de receber ordens do PGC – Primeiro Grupo Catarinense - para praticar atentados em Joaçaba e região. Segundo o delegado regional de Polícia Ademir Tadeu de Oliveira, ele estava foragido há duas semanas do presídio regional e é um dos mentores intelectuais dos atentados que foram frustrados pela Polícia com a prisão de Ganso no início do mês. “O grupo dele foi preso antes da prática do crime e ele estava foragido, sendo que os policiais da DIC lograram êxito e capturam o elemento”, informou. De acordo com o delegado, a Polícia de Joaçaba está fazendo sua parte na operação de combate ao crime organizado. “Estamos dando um basta nesse clima de insegurança, mostrando ao crime que o estado é mais forte e não pode se intimidar”. O delegado disse ainda que a polícia não tem como identificar no momento quantos elementos fazem parte do grupo em nossa região. “Não há como mensurar, os presos daqui já circularam em vários presídios do estado onde receberam o batismo para compactuar com essa facção”. No entanto, os ataques nem sempre são promovidos pelo PGC. “O que está acontecendo é que muitos se aproveitam desse momento para promover vandalismo e cai na conta da facção. Em Xanxerê por exemplo, foi elucidado dois casos de incêndio em veículos que foram praticados por um alcoólatra que confessou”, concluiu.
Fonte: caco da rosa

Participe de nosso
Grupo no WhatsApp

Mais Acessadas

Farmácia de Plantão
Farmácia
Farmácia Júnior

Av. XV de Novembro, 377 - Centro, Joaçaba

Fone: (49) 3522-1787

Farmácia Júnior
X